Buscar
  • Escola Lua Nova

O voo que escolhemos não termina nunca!

Por: Carla Chaves, professora do 1° ano da Lua Nova


Asas para voarmos, esse deveria ser o nome do nosso projeto. Decolamos nosso voo em fevereiro, e aprendemos a aproveitar cada pouso.  O primeiro ano aprendeu muito com as aves, num ano importante para todos, porque assim como as aves, precisamos alternar nossos pousos e decolagens, precisamos aprender a andar em bando, a saber a hora de ir, e a hora de voltar, de negociar a sobrevivência de nossas infâncias com as urgências do mundo. Assim, com as aves, aprendemos a lidar com as nossas fragilidades, nossos medos, e como um filhote que sai do ninho, acompanhamos e celebramos as conquistas uns dos outros.


Precisamos aprender a calcular nosso tempo de viagem, e o tempo que tínhamos de voo, e de cada pouso, planejamos nossas rotas, e nossas fugas. Tínhamos urgências em nos conhecermos, em grupo, em bando e individualmente ao mesmo tempo, para que nenhum passarinho ficasse para trás, foi um desafio enorme para um grupo de passarinhos que estava se formando a cada instante.


Descobrimos que ave e avião têm muita coisa em comum, desde a grafia, até o que se propõem enquanto existência. Descobrimos que somos ótimos cientistas, criamos nossas metodologias a partir de nossos objetivos, justificamos nossos quereres e podemos dizer que criamos a epistemologia das aves através de um intenso estudo sobre as estruturas poéticas e científicas desses seres.


Voamos para o Sertão, encantamos e cantamos com Luiz Gonzaga. Descobrimos que falar poesia é rápido, mas escrever dá um trabalhão.


Transformamos tudo que aprendemos em um recital, pousamos no palco, e conquistamos muitas aprendizagens. Agora vamos decolar para outro continente, porque o voo que escolhemos fazer não termina nunca.


Asas para voar


O projeto Asas para voar acontece no primeiro semestre do 1º ano e investiga as razões pelas quais, na natureza, algumas espécies de animais conseguem voar e outras não. Asas para Voar é, sobretudo, um projeto ecológico que estimula a reflexão sobre os atos pessoais e incentiva uma avaliação de suas consequências na natureza. É também um projeto de valor humanitário, político, científico, poético, atingindo, assim, todas as áreas do conhecimento. O aluno conta, canta, investiga, compara, ilustra, lê, escreve, diz poesias e desenha animais e objetos voadores.


Os resultados das nossas pesquisas são registrados com recursos textuais e incluídos em um livro produzido pelas crianças.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo